Perguntas e respostas

CAMPANHA SOCIAL

/ Perguntas e respostas

Perguntas e respostas

O QUE FAZEMOS?

  • Promovemos a cultura proveniente de fontes legais de modo constante e coerente - em cinemas, rádio, televisão, imprensa, Internet e espaço público
  • Há anos que dirigimos o maior e constantemente atualizado portal na Internet que permite usufruir da cultura através de fontes legais: www.legalnakultura.pl
  • Criámos uma Base de Fontes Legais - em constante expansão, disponível pelo nosso sítio da Internet www.legalnakultura.pl
  • Educamos - nas escolas e universidades em toda a Polónia e ao abrigo do Espaço de Educação no nosso portal 

○  sobre tudo o que são as fontes legais, onde as procurar e como as utilizar
○  sobre os direitos de autor, a proteção de propriedade intelectual e áreas relacionadas
○  sobre a cultura cinematográfica
○  sobre a educação multimédia
○  sobre perigos e segurança na Internet
○  conduzimos workshops - colaboramos com escolas, universidades, bibliotecas, casas de cultura, centros de formação avançada dos professores e com curadores
○  colaboramos com advogados (consultadoria jurídica, também durante os eventos culturais; palestras nos congressos, workshops da Cultura Legal)

  • Participamos no processo internacional de unificar o mercado digital na UE, colaborando com a Organização Mundial de Propriedade Intelectual (OMPI) e o Instituto da Propriedade Intelectual da União Europeia (EUIPO).

○  realizamos projetos educativos visando a promoção de fontes legais, a proteção de propriedade intelectual e áreas relacionadas
○  participamos em trocas de conhecimento e experiências, a respeito de alterações na legislação da UE, o princípio de territorialidade, partilha das licenças, etc. (congressos, seminários, palestras)
○  projetos culturo-educacionais da Cultura Legal são apresentados em encontros internacionais

  • Realizamos projetos culturais e educacionais periódicos no espaço público e virtual: Cultura À Vista, Portas Abertas À Cultura, cinema ambulante, etc.
  • Organizamos diversos eventos culturais e científicos - isolados ou períodicos (exibição de filmes, congressos, seminários, etc.)
  • Participamos nos eventos culturais de maior importância na Polónia, divulgando as fontes legais da cultura e a participação consciente nesta (p.ex. Festival de Cinema em Gdynia, Off Festival)

○  marcamos presença nos meios de comunicação social ligados a festivais, temporadas, etc. 
○  transmitimos ao vivo os encontros com artistas
○  apresentamos os spots publicitários “Na escuridão do cinema” (pol. “W czerni kina”)

  • Há anos que colaboramos com muitos artistas respeitados. Promovemos também sucessos dos autores jovens.
  • Colaboramos permanentemente com especialistas de várias áreas - advogados, didatas, cientistas, jornalistas, etc.
  • Colaboramos com várias instituições de cultura, instituições educativas, autoridades locais, etc. (entre estes: Ministério da Cultura e Património Nacional, Instituto Polaco de Cinema, Instituto Nacional de Audiovisual, Centro Nacional de Cultura)
  • Organizamos concursos para os autores iniciantes e para consumidores de cultura, com prémios atraentes - frequentemente possibilitando assim aos vencedores a realização das suas ideias artísticas
  • Conduzimos vários projetos de investigação

○  relativamente quer às mudanças de atitude e comportamento de utilizadores da cultura quanto à utilização das fontes legais da cultura, quer à análise de novos fenómenos da cultura (p.ex. investigação dos autores de User-Generated Content)
○  no âmbito da presente iniciativa avaliamos também os projetos da Cultura Legal, tendo sempre como alvo o melhoramento das nossas propostas e o ajuste destas às necessidades dinâmicas dos consumidores da cultura.
○  realizamos também investigações para as instituições com as quais cooperamos
○  publicamos os nossos relatórios de estudo no sítio www.legalnakultura.pl 

  • Publicamos diversos materiais que promovem as fontes legais e tratam de assuntos ligados à receção da cultura na realidade virtual

○  publicações eletrónicas
○  publicações impressas
○  publicações na imprensa e em revistas científicas

  • Trabalhamos para criar um motor de pesquisa universal e multidimensional que possibilitaria a utilização máxima das fontes legais da cultura disponíveis na Internet
  • Conduzimos atividades interativas

○  estamos em contacto permanente com os utilizadores da cultura
○  respondemos às suas perguntas
○  resolvemos problemas
○  dirigimos propostas personalizadas a grupos de destinatários especificos
○  disponibilizamos documentos e obras
○  os internautas podem, connosco, fazer parte da cultura das fontes legais, promovê-la e partilhá-la (p.ex. adicionando hiperligações à nossa base).

  • Os nossos projetos são dirigidos a um público muito diversificado

○  não pômos de parte os grupos de consumidores muitas vezes excluídos do círculo da cultura mainstream
○  sublinhamos a importância das ações isoladas e períodicas que são preparadas tendo em conta os residentes das localidades pequenas com acesso limitado à cultura, como também pessoas idosas, crianças, alunos e professores, pedagogos, bibliotecários, funcionários públicos, arquitetos, fotográfos e outros grupos profissionais

  • Tentamos ser um parceiro ativo e responsável na discussão pública acerca das fontes legais da cultura, influenciar opiniões, atitudes e comportamentos dos autores e consumidores da cultura. Não temos medo da confrontação com os nossos opositores
  • Todas as nossas ações são positivas

○  promovemos
○  disponibilizamos
○  explicamos
○  ensinamos
○  recordamos os valores elementares
○  damos o exemplo
○  unimos


PORQUE FAZEMOS ISTO?

Vivemos numa civilização de diversidade. Isto significa que temos imensa liberdade, mas também responsabilidade e necessidade de estar alerta perante várias tentações e perigos. Pretendemos não nos desnortear dos valores fundamentais para a cultura, tais como: ser justo com os outros e ter a escolha e o direito a ser respeitado pela sua contribuição ao desenvolvimento da cultura.
A fundação Cultura Legal existe para nos lembrar, dia a dia, destes princípios superficialmente simples; para promover a participação consciente na cultura, bem como comportamentos honestos e atitudes de apreciação dos artistas. A nossa missão baseia-se em passar um recado positivo - mostrar como manter um comportamento ético e ciente de que vivemos entre outras pessoas, mesmo na Internet, ao utilizar tudo o que nos oferece a tecnologia atual.

Construímos hoje a cultura digital, como ao longo dos séculos construíamos a material. De novo temos de trabalhar nas regras em que esta se baseia, que nos permitirão satisfazer as nossas necessidades, simultaneamente não violando as regras dos outros membros da comunidade virtual e sem colidir com os seus sentimentos.
Queremos sensibilizar os consumidores da cultura para a relação entre as duas formas desta - digital e material. A Internet não é um mundo completamente isolado: muitas leis e regras não escritas, que aplicamos quando temos contacto com uma obra material, continuam válidas quando entramos num domínio virtual onde são divulgadas criações artísticas.
Procuramos a solução de um dos problemas mais cruciais da cultura contemporânea - como desfrutar dela, mantendo a nossa própria liberdade e sem limitar a dos outros? É chegado o momento de tomar ações definitivas e de natureza abrangente. As gerações modernas crescem na Internet. Por esta razão precisamos de uma educação holística, junto com uma estratégia de longo prazo, para moldar logo nos cidadãos mais novos o sentimento de responsabilidade pelo nosso bem comum - a cultura na rede.

A fundação Cultura Legal estabeleceu objetivos diversificados e ambiciosos:

  • Promover a utilização das fontes legais da cultura
  • Criar uma base de fontes legais no sítio www.legalnakultura.pl
  • Educar sobre os direitos de autor e sobre a proteção de propriedade intelectual, tendo em conta a ética como a origem de todos os direitos e escolhas.
  • Facilitar aos consumidores da cultura o esclarecimento acerca de direitos de autor, proteção de propriedade intelectual e proteção de imagem - em teoria e prática
  • Mostrar como operam os média. Os projetos neste âmbito são dirigidos às gerações mais novas, professores e pessoas idosas
  • Propagar a proteção de propriedade intelectual e postular para penalizar por lei aqueles que ganham dinheiro através da divulgação ilegal de bens culturais
  • Sensibilizar os consumidores da cultura para o facto que na Internet - tal como no espaço físico - se aplicam as normas morais e jurídicas, também em relação à arte e aos artistas. Ninguém é dispensado de seguir estas regras, nem mesmo que pense erradamente, ser anónimo por estar na Internet
  • Construir a consciência e responsabilidade dos utilizadores da Internet, que usufruem da cultura na forma digital
  • Alterar permanentemente as atitudes e comportamentos dos internautas perante a cultura na realidade virtual
  • Sublinhar a necessidade de ações constantes, universais e sistémicas com a finalidade de sensibilizar os consumidores da cultura para a importância da utilização dos recursos legais na Internet
  • Construir e consolidar o ambiente composto por representantes de várias instituições culturais e indústrias criativas que desenvolverá e promoverá a participação consciente na cultura
  • Popularizar a digitalização dos recursos públicos
  • Propagar o crowdfunding como um metódo moderno de finançamento das atividades culturais
  • Apoiar e promover os autores jovens que começam a sua carreira profissional no mercado da cultura digital
  • Dirigir projetos educacionais e culturais para os representantes dos meios com acesso limitado à cultura (p.ex. para os residentes de localidades pequenas, afastadas dos centros culturais)
  • Divulgar comportamentos éticos de negócio - combater a colocação de anúncios nos sítios da Internet que partilham a cultura das fontes ilegais
  • Construir um motor de pesquisa universal de fontes legais da cultura
  • Fazer com que a cultura de fontes legais fique na moda

PARA QUEM FAZEMOS TUDO ISTO?

Cultura Legal é para todos.

A nossa campanha é dirigida às pessoas que cuidam da cultura. Tornamos mais forte a sua convição que, sendo justos para os autores, fazem a escolha certa. Mostramos-lhes que não são uma ilha isolada. Provamos que muitos pensam e agem como eles - de acordo com as regras.
A nossa campanha é dirigida às pessoas que (ainda) não cuidam da cultura. Pretendemos mudar isso. Queremos torná-los cientes de que fazem um erro pelo qual pagamos todos nós - autores e consumidores - porque as atividades injustas tornam a cultura mais pobre. Convencemo-los que nunca é tarde demais para desistir dos maus hábitos. E cada vez mais frequentemente temos sucesso.

Contudo, há grupos de consumidores de que nos preocupamos de modo especial.
A nossa campanha é dirigida às crianças, aos alunos e seus professores - pois os costumes culturais são formados durante o processo de educação. Os representantes das gerações mais novas decidirão no futuro sobre a imagem da cultura na realidade virtual.
A nossa campanha é dirigida também às pessoas que, por várias razões, têm acesso limitado à cultura. Informamo-las da existência das fontes legais na Internet e ensinamos-lhes como desfrutar destas. Ajudamo-los ainda a ultrapassar as barreiras espacial e simbólicas.
A nossa campanha é dirigida a todas as gerações - pretendemos que este tema junte as pessoas sem divisões, nem mesmo etárias.
Cada pessoa é importante para nós, cada um é necessário.

COM QUEM FAZEMOS ISTO?

Autores, representantes de instituições culturais e peritos de várias áreas do conhecimento estão connosco desde o começo. Contamos com o apoio deles há muito anos. Com cada ano que passa, com cada novo projeto da campanha social Cultura Legal surgem novos parceiros, amigos e simpatizantes. Colaboramos tanto com as pessoas e instituições que decidem sobre a forma da cultura no nosso país, como também com autores iniciantes que dão os seus primeiros passos no seu caminho artístico - cada um é importante para nós, cada um é necessário. E este círculo está em constante crescimento.
O Ministério da Cultura e Património Nacional e o Instituto Polaco de Cinema são nossos parceiros estratégicos. Realizamos também os nossos projetos com a colaboração do Centro Nacional de Cultura. Instituições e Parceiros nos Média apoiam a campanha, fornecendo ajuda substancial, concreta e publicitária. Informações sobre os Parceiros são disponíveis no nosso síto da Internetwww.legalnakultura.pl

Os objetivos da Cultura Legal apoiam centenas de autores – http://legalnakultura.pl/pl/sa-z-nami/popieraja-nas

Atualmente na campanha participam de modo ativo mais de 70 autores, entre os quais: Magdalena Boczarska, Sonia Bohosiewicz, Agnieszka Grochowska, Janusz Gajos, Tomasz Kot, Małgorzata Kożuchowska, Agata Kulesza, L.U.C. – Łukasz Rostkowski, Lech Majewski, Maja Ostaszewska, Dawid Podsiadło, Robert Więckiewicz, Jerzy Stuhr, Mariusz Szczygieł.

Os Embaixadores da Cultura Legal são: Anna Dereszowska, Piotr Metz, Dorota Miśkiewicz, Danuta Stenka, Jacek Wasilewski, Zbigniew Wodecki i Aga Zaryan.

Desta forma criamos uma comunidade de autores e consumidores da cultura.

POR QUE ESTAMOS ORGULHOSOS DO QUE FAZEMOS?

Porque transformamos a consciência dos consumidores da cultura na Polónia. Cada vez mais frequentemente sabem onde e como recorrer aos recursos legais, considerando que a pirataria é fatela

  • Porque realmente influenciamos os comportamentos de consumidores da cultura, educando-os e dando o exemplo. Cultura Legal serve para criar o hábito de utilizar as fontes legais na rede
  • Porque ao fundar o portal da Cultura Legal e ao conduzir os workshops contribuímos para tornar a Internet um lugar mais seguro para todos.
  • Porque criámos um dos maiores e mais populares portais acerca deste assunto. Já quase 7 000 000 internautas visitaram o sítio www.legalnakultura.pl
  • Porque estabelecemos a maior Base de Fontes Legais na Polónia
  • Porque gerimos muitos projetos culturo-educacionais a nível nacional no domínio de educação cinematográfica, multimédia, de direitos de autor, etc. Estes projetos são geralmente de longo prazo - nos anos subsequentes realizamos novas edições, cada vez melhorando as nossas propostas - Cultura À Vista www.kulturanawidoku.pl, Portas Abertas à Cultura www.otwartedrzwidokultury.pl
  • Porque apoiamos os artistas iniciantes, damos uma oportunidade a jovens para partilhar o seu trabalho com consumidores da cultura
  • Porque organizámos centenas de workshops, apresentações, etc. A fim de sensibilizar consumidores da cultura para a importância que a utilização dos recursos legais tem
  • Porque os spots „Na escuridão do cinema” tiveram uma audiência de 18 000 000 consumidores da cultura.
  • Porque conduzimos importantes investigações científicas em novas áreas da cultura Algumas das nossa análises são exclusivas, sendo as únicas investigações deste tipo em toda a Europa (p.ex. A investigação dos criadores de User-Generated Content)
  • Porque alteramos o estilo de vida dos internautas polacos - introduzimos “a moda de cumprir a lei”. Esta tendência é comprovada pelos resultados das nossas investigações e pelo apoio de que gozam os objetivos da Cultura Legal
  • Porque iniciámos e colaboramos na criação do diálogo sobre legalidade na cultura no espaço público polaco - à participação convidamos e envolvemos as instituições e agentes culturais mais importantes, além dos meios de comunicação social nacionais.
  • Porque convencemos as instituições culturais e educativas importantes, os meios de comunicação social e os representantes de autoridades locais na Polónia que vale a pena usufruir dos recursos legais e apoiar os objetivos da Cultura Legal - dando um bom exemplo aos outros
  • Porque temos a nossa contribuição no processo de construção do mercado digital homogéneo e na criação de legislação favorável que facilite aos cidadãos europeus a utilização dos recursos da cultura - a nossa voz é ouvida em Bruxelas, Viena, Genebra, Roma, Alicante e Istambul
  • Porque promovemos os projetos culturais e educacionais polacos não só na Polónia, participando numa troca intelectual com os representantes dos outros países da UE (congressos, seminários, palestras, presentações, etc.)
  • Porque concentrámos em volta da Cultura Legal um conjunto de autores e consumidores ligados aos nossos objetivos e que a promovem - somos muitos e este grupo está em constante crescimento, construíndo a nossa comunidade
  • Porque criámos uma rede de educação a respeito de meios de comunicação social e direitos de autor, no âmbito da qual colaboramos constantemente com várias escolas, universidades, bibliotecas e outras instituições educacionais (workshops, planos de aulas, assistências jurídicas)
  • Porque criámos uma equipa criativa, dinâmica e empenhada - a da Cultura Legal. Estabelecemos um círculo de colaboradores e peritos permanentes que agem para promover e partilhar os bens da cultura das fontes legais (advogados, professores, bibliotecários, dirigentes de comunidades, cientístas, jornalistas, voluntários, etc.)
  • Porque criámos uma boa marca. Marca Cultura Legal


Traduzido por:
Biuro Tłumaczeń Diuna www.diuna.biz



Do góry!


Społeczna kampania edukacyjna Legalna Kultura realizowana przez Fundację Legalna Kultura

W 2019 roku dofinansowano ze środków Ministra Kultury i Dziedzictwa Narodowego